Uma representação realista dos produtos
antes de chegarem ao cliente

A SENOR é uma empresa pioneira no setor do isolamento acústico, especializada no fabrico e comercialização de amortecedores, fixadores e sistemas acústicos em mais de 60 países. Fundada em 1995, divide os seus produtos em duas grandes áreas: uma gama dedicada à construção e outra à indústria.
Para oferecer uma visão mais realista das suas soluções, da fase de desenvolvimento até à comercialização, a SENOR escolheu o KeyShot como ferramenta para renderização 3D.

Cristina Expósito, engenheira industrial do departamento técnico da SENOR, e Miguel Ángel Saravia, diretor do departamento de marketing, contam-nos de que forma o KeyShot os ajudou a melhorar a qualidade dos produtos e como é a experiência de utilização desta ferramenta.

Como descreveria o uso do KeyShot?

Cristina: Comecei a usar o KeyShot quando entrei na SENOR e posso dizer que, embora nunca o tivesse usado antes, em pouco tempo, consegui aprender a usá-lo e tem sido muito fácil para mim adaptar-me. Tem uma interface intuitiva e fácil de usar.

Em que processos usam o KeyShot?

Cristina: Usamos o KeyShot maioritariamente em duas fases. Na criação de novos produtos o KeyShot tornou-se uma ferramenta fundamental para nós, pela ajuda que oferece aos nossos clientes a ter uma visão hiper-realista do produto final antes de o ter em mãos.
Por outro lado, também o utilizamos para a parte de consultoria em que o cliente nos apresenta um problema específico. Depois do desenvolvimento no software CAD usamos o KeyShot para renderizar o modelo 3D, e mostrar, de uma forma mais real, como o produto se adaptará àquele desafio particular.
Também usamos muito o KeyShot nas fases de instalação, nas instruções de montagem e manuais que enviamos aos nossos clientes para que eles possam entender melhor como montar corretamente os produtos.

De que forma usam o KeyShot no marketing da SENOR?

Cristina: Ao redesenhar o nosso site, queremos utilizar a extensão KeyShot XR. Queremos que os nossos clientes possam ver os produtos da forma mais real possível, podendo interagir com eles e ver todas as perspetivas em 360º.
A ideia é apresentar um modelo 3D de cada produto, acompanhado da sua ficha técnica e todas as informações necessárias, para que o cliente possa ver o que vai comprar.

Miguel Ángel: Acreditamos que este vá ser um dos pontos fortes do novo site. Temos tantos produtos e tão diversos, que poder adicionar uma representação 3D com todos os lados visíveis, ajudará os clientes a entender melhor de que forma o produto interage com o ambiente.
Também utilizamos os renders nas nossas redes sociais, apresentações, brochuras publicitárias, catálogos, etc. Em geral, para tudo o que tem a ver com a apresentação do produto ao público e o seu marketing.

Recomendariam o KeyShot?

Cristina: Claro, como mencionei antes, o KeyShot é uma ferramenta muito intuitiva, com uma infinidade de possibilidades. Permite-nos criar os nossos próprios materiais e iluminação, é muito flexível. A verdade é que estamos muito satisfeitos com os resultados.

Miguel Ángel: Do ponto de vista do marketing, vejo uma melhoria muito grande em relação à concorrência, o KeyShot permite-nos mostrar uma imagem realista e atraente dos nossos produtos. Acho que nós, graças ao KeyShot, trazemos um toque extra de qualidade e realismo muito interessante.

Uma representação realista dos produtos antes de chegarem ao cliente

A SENOR é uma empresa pioneira no setor do isolamento acústico, especializada no fabrico e comercialização de amortecedores, fixadores e sistemas acústicos em mais de 60 países. Fundada em 1995, divide os seus produtos em duas grandes áreas: uma gama dedicada à construção e outra à indústria.
Para oferecer uma visão mais realista das suas soluções, da fase de desenvolvimento até à comercialização, a SENOR escolheu o KeyShot como ferramenta para renderização 3D.

Cristina Expósito, engenheira industrial do departamento técnico da SENOR, e Miguel Ángel Saravia, diretor do departamento de marketing, contam-nos de que forma o KeyShot os ajudou a melhorar a qualidade dos produtos e como é a experiência de utilização desta ferramenta.

Como descreveria o uso do KeyShot?

Cristina: Comecei a usar o KeyShot quando entrei na SENOR e posso dizer que, embora nunca o tivesse usado antes, em pouco tempo, consegui aprender a usá-lo e tem sido muito fácil para mim adaptar-me. Tem uma interface intuitiva e fácil de usar.

Em que processos usam o KeyShot?

Cristina: Usamos o KeyShot maioritariamente em duas fases. Na criação de novos produtos o KeyShot tornou-se uma ferramenta fundamental para nós, pela ajuda que oferece aos nossos clientes a ter uma visão hiper-realista do produto final antes de o ter em mãos.
Por outro lado, também o utilizamos para a parte de consultoria em que o cliente nos apresenta um problema específico. Depois do desenvolvimento no software CAD usamos o KeyShot para renderizar o modelo 3D, e mostrar, de uma forma mais real, como o produto se adaptará àquele desafio particular.
Também usamos muito o KeyShot nas fases de instalação, nas instruções de montagem e manuais que enviamos aos nossos clientes para que eles possam entender melhor como montar corretamente os produtos.

De que forma usam o KeyShot no marketing da SENOR?

Cristina: Ao redesenhar o nosso site, queremos utilizar a extensão KeyShot XR. Queremos que os nossos clientes possam ver os produtos da forma mais real possível, podendo interagir com eles e ver todas as perspetivas em 360º.
A ideia é apresentar um modelo 3D de cada produto, acompanhado da sua ficha técnica e todas as informações necessárias, para que o cliente possa ver o que vai comprar.

Miguel Ángel: Acreditamos que este vá ser um dos pontos fortes do novo site. Temos tantos produtos e tão diversos, que poder adicionar uma representação 3D com todos os lados visíveis, ajudará os clientes a entender melhor de que forma o produto interage com o ambiente.
Também utilizamos os renders nas nossas redes sociais, apresentações, brochuras publicitárias, catálogos, etc. Em geral, para tudo o que tem a ver com a apresentação do produto ao público e o seu marketing.

Recomendariam o KeyShot?

Cristina: Claro, como mencionei antes, o KeyShot é uma ferramenta muito intuitiva, com uma infinidade de possibilidades. Permite-nos criar os nossos próprios materiais e iluminação, é muito flexível. A verdade é que estamos muito satisfeitos com os resultados.

Miguel Ángel: Do ponto de vista do marketing, vejo uma melhoria muito grande em relação à concorrência, o KeyShot permite-nos mostrar uma imagem realista e atraente dos nossos produtos. Acho que nós, graças ao KeyShot, trazemos um toque extra de qualidade e realismo muito interessante.